Gatinha se recusa a sair de perto de bebê com febre

Gatinha se recusa a sair de perto de bebê
(Instagram / 88kncorbett)

Uma linda história que mostra o quão os gatos amam seus humanos preferidos. São animais que cuidam como verdadeiros irmãos e imãs mais velhos. E neste relato, uma gatinha se recusa a sair de perto de um bebê com febre que ela escolheu como seu protegido. 

gatinha cuida de bebê
(Instagram / 88kncorbett)

O bebê Sonny chegou em casa e imediatamente se tornou uma obsessão para a gata Mia. Em suma, ela cercou a criança, como se quisesse ter certeza de que não havia nenhum perigo por pertos. Aos poucos, portanto, foi se aproximando mais até ficar grudada com o pequeno humano. 

gatinha se recusa a sair
(Instagram / 88kncorbett)

Desde que Mia tomou Sonny como se fosse seu próprio filhote, a casa ficou ainda mais cheia de amor. O bebê acorda todos os dias com sua guardiã peluda ao lado. E, quando ele chegou em casa com uma febre baixa, a gata, sem dúvida, entendeu na hora que tinha que cuidar mais ainda dele. 

gatinha e bebê
(Instagram / 88kncorbett)

Gatinha se recusa a sair de perto de bebê que ama como se fosse seu próprio filhote 

Enfim, Mia só relaxou quando teve certeza de que a febre de Sonny tinha passado. Mesmo sem precisar ficar o tempo todo grudada no bebê, ela ainda o vigia. Ou seja, espera o pequeno chegar em casa com a mãe e passa o dia verificando se está tudo bem com ele. 

gata cuida de bebê
(Instagram / 88kncorbett)

Leia também: 

Abrigo faz festa de aniversário para gatinha ser adotada – mas ninguém aparece 

Pitbull adotado convence mãe humana a ficar com gatinho que ele adotou 

Gata acostumada ao silêncio reclama por donos estarem em casa na quarentena 

Curiosidades do mundo: 10 fatos mais curiosos do mundo 

     

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.