Cachorro em situação de maus-tratos foi resgatado pela polícia após denúncias de vizinhos

Animal estava “à própria sorte”, segundo os policiais

Cachorro em situação de maus-tratos foi resgatado
Cachorro em situação de maus-tratos foi resgatado (Foto: Polícia Militar)

Em Caraguatatuba, no Litoral Norte do estado de São Paulo, um caso que chamou a atenção. Moradores do bairro Morro do Algodão chamaram a polícia após constatar uma realidade preocupante. Um cachorro em situação de maus-tratos abandonado em uma casa desabitada.

cão maus-tratos

A 3ª Cia. de Polícia Militar Ambiental Terrestre foi acionada para verificar a situação. De acordo com os próprios policiais, o animal estava “à própria sorte” no local. Ele ficava solto no quintal da residência sem água ou comida e cercado por fezes. Isso, pois o ambiente não era limpo por ninguém.

De acordo com os relatos dos vizinhos, o animal estava há mais de um mês sem que ninguém fosse vê-lo. Ou seja, as responsáveis o deixaram em condições cruéis, correndo risco de morrer de inanição ou sede.

Cachorro em situação de maus-tratos foi resgatado e encaminhado a tratamento

cachorro maus-tratos

Apesar dos pesares, o cão não apresentava ferimentos ou sinais de agressão. O problema no caso era o abandono e os riscos aos quais ele ficou exposto. Ainda de acordo com pessoas que conhecem a dona da casa, a proprietária do animal teria problemas mentais e dificuldades financeiras.

Sendo assim, a dona foi contactada pelos policiais e confirmou o que os moradores da região tinham dito. A mulher afirmou que tinha tentado doar o cachorro, mas sem sucesso. Portanto, precisou mantê-lo na casa naquela situação degradante.

Mesmo após as explicações, o cão foi recolhido e encaminhado ao veterinário para avaliação. A dona foi autuada em R$ 3 mil por maus-tratos. Neste caso, o valor se aplica em cima de cada animal resgatado. No caso, foi apena um.

Órgãos de proteção e saúde animal estiveram no local

resgate de cachorro

Além da polícia, foram até a casa o Centro de Zoonoses e um fiscal de saúde pública. Foi prestado apoio ao resgate e o cachorro foi levado para tratamento.

A Polícia Militar Ambiental do Litoral Norte reafirma que estes casos precisam ser denunciados. O telefone é o (12) 3886-2200, mas através do 190 também é possível acionar policiais ambientais.

Leia também:

Homem cria maior cobra da espécie em casa com duas crianças 

Cachorrinho que nasceu com rabo na testa é a coisa mais linda que você vai ver hoje

Tartaruga atrapalha o trânsito e é “advertida” pela polícia

cachorro abandonado em quintal

O crime de maus-tratos pode ser passível de pagamento de multas e até mesmo prisão, dependendo do caso. Portanto, é importante que em caso de dificuldades em criar um animal, o dono busque ajuda de ONG’s e abrigos. Até mesmo a polícia ambiental pode ser acionada para tirar dúvidas.

Principal fonte: Polícia Militar Ambiental – SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.