Pais descobrem estranho assustador conversando com bebê pela babá eletrônica

Pais descobrem estranho assustador bebê
(Foto: Kennedy News)

Esse caso levantou um alerta e um tipo de busca pelo misterioso invasor. Uma mãe horrorizada teme que sua família tenha sido espionada por um estranho em sua própria casa depois de descobrir um homem assustador falando com seu bebê em uma câmera de babá eletrônica. As informações são do The Sun.

Shannon Richardson, de 22 anos, e seu parceiro Jack Gray afirmam que seu filho Freddie estava acordando todas as noites por volta das 2 horas da madrugada e se recusando a voltar a dormir em sua casa em Banbury, Oxfordshire, no Reino Unido.

Mas depois de ver a câmera do bebê, o casal descobriu que o bebê de 15 meses estava sendo acordado por uma “voz masculina profunda”. Eles correram para o quarto dele depois de temer que alguém tivesse invadido a casa e estava falando com seu bebê.

Jack arrancou o monitor “hackeado” da parede de onde tinha sido posicionado para filmar o bebê. Shannon ficou tão assustada que insistiu em ficar na casa de sua mãe mesmo depois de o aparelho ter sido jogado fora.

A família teme que o homem possa estar vigiando seu filho por semanas e até mesmo vendo o casal tentando acalmá-lo durante as noites insones. Shannon disse: “O medo, aborrecimento e nojo que sentimos é horrível.

Há quanto tempo esse estranho vigia o quarto do Freddie?

Pais descobrem estranho assustador conversando com bebê pela babá eletrônica
(Foto: Kennedy News)

Em entrevista, o casal disse:

“Nós o trocamos depois do banho e o colocamos na cama. Não sabemos há quanto tempo isso vem acontecendo porque, por um tempo, ele estava acordando ao mesmo tempo da noite por volta das 2 horas da madrugada e não conseguíamos acalmá-lo”.

“Jack estava entrando no berço para tentar consolá-lo. Estávamos tentando acomodá-lo e nada funcionava, então achamos que alguém o estava acordando. Mas agora que removemos o monitor do bebê, ele não tem acordado durante a noite.”

Imagens capturadas no monitor mostram Jack confortando seu filho no berço no meio da noite nas semanas que antecederam o incidente, sem sucesso. Shannon acrescentou:

“Era por volta das 2h30 e eu e Jack estávamos assistindo TV. Tínhamos a câmera e o coração sussurrando, então assistimos por um minuto pensando que provavelmente era Freddie se movendo em seu berço. De repente, ouvimos uma voz muito profunda e masculina e ficou tão claro que pensamos que ele estava no quarto”.

“Ele estava dizendo ‘bebê’ e ‘babá’ como se estivesse tentando acordar Freddie. Jack correu para cima e invadiu o quarto do Freddie. Ninguém estava lá, mas o monitor se moveu em direção a Jack. A voz tinha vindo através do monitor. Jack arrancou o monitor da parede e pegou Freddie”.

“Entramos no nosso quarto e ficamos sentados sem saber o que fazer. Estávamos em choque. Eu não sabia no que acreditar ou pensar”.

Um estranho observando a casa

Pais descobrem estranho assustador conversando com bebê
(Foto: Kennedy News)

Shannon diz que a voz do homem tinha sido tão clara que eles pensaram que alguém estava na casa e que o incidente a deixou com medo em sua própria residência.

Shannon disse: “Jack jogou o monitor no chão. Eu não queria estar na minha casa, eu ficava indo para a casa da minha mãe mesmo que o monitor tivesse sumido. Eu não me sentia confortável e eu estava no limite. Eu estava com medo porque não sabíamos se era um homem local”.

“Eu não estava confortável colocando Freddie na cama sozinho então ele estava dormindo na minha cama comigo, mas eu tive que eventualmente colocá-lo em sua própria cama para que ele não se acostumasse muito a ficar comigo”.

“Eu achei que o monitor era muito útil porque quando ele estava na cama, era bom poder vê-lo. Usamos desde que ele nasceu. Monitores de bebês devem ser uma coisa segura para cuidar do seu bebê. Você nunca pensaria que alguém estaria observando-os através dele.”

Fonte: The Sun.

Leia também:

Humanos quebraram uma das leis naturais que regem os oceanos da Terra

Homem acorda no necrotério após ser declarado morto em acidente

Apenas 10 minutos de corrida moderada podem aumentar a atividade cerebral

     

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.